Dr. Bernard Rimland, psicólogo (PhD), do instituto de pesquisas sobre Autismo (ARI – AUTISM RESEARCH INSTITUTE), na década de 60, iniciou uma longa busca por informações de pais, que pudessem elucidar de forma mais objetiva a respeito dos suplementos vitamínicos e seus efeitos. Tais informações vieram de pais de diversas partes do mundo, que relataram ser algumas vitaminas a grande razão para os benefícios comportamentais alcançados por seus filhos.

Hoje muitas pesquisas realizadas nos EUA e em outros países nos mostra que esses indivíduos apresentam deficiências de vitaminas, minerais e aminoácidos. Em alguns casos, irão apresentar um excesso, o que da mesma forma será necessário uma adequação da bioquímica do corpo, cooperando assim para o bom funcionamento das células e dos sistemas do corpo, incluindo o cérebro. Ademais, existem exames que podem avaliar o organismo de cada criança, nos servindo como um guia para o tratamento. Tenha em mente, que através dos sintomas também é possível suplementar a criança, mas os exames sem dúvida nenhuma irão nos dar respostas mais exatas sobre o organismo de cada uma delas, pois o que funciona para uma criança pode não funcionar para outra.

É importante que você atente para a composição do suplemento que você está comprando. Ele precisa ser livre de caseína, glúten, soja, corantes, milho, leveduras, conservantes, amido e sódio. Os listados abaixo são vendidos no site www.nbnus.com e são importantes para muitos indivíduos dentro do Espectro Autista.

GLUTATIONA é um peptídeo e um antioxidante naturalmente produzido pelo corpo. Pesquisas realizadas nos EUA já demonstraram que crianças portadoras de Autismo apresentam níveis baixos de glutationa, o que pode ser um resultado de um corpo que enfrenta estresse oxidativo, medicamentos prescritos, idade, químicos tóxicos, inflamação e estresse em geral. Niveis adequados de glutationa são necessários para promover antioxidante para as células, ajudando na eliminação do “lixo” do nosso corpo. O que não é necessário para o corpo será excretado através da urina, fezes, suor e expiração com a ajuda da glutationa. Ela também é necessária para impulsionar o sistema imune. Pesquisas também já demonstraram que essas crianças possuem um sistema imunológico hiperativo ou hipoativo.

MELATONINA é um hormônio, que e naturalmente produzido pelo corpo através da glândula Pineal, localizada no cérebro. Ela ajuda a regular o ciclo do sono. Assim como, ajuda o sistema imunológico, pois ela tem o poder de manter a atividade das células NK. A melatonina é considerada um potente antioxidante que entra em todas as células do corpo para ajudar a evitar danos por radicais livres. É lipídico e solúvel em água, permitindo a livre travessia da barreira hematoencefálica. Alguns estudos demonstram que a melatonina é mais eficaz do que a glutationa e a vitamina E na eliminação e neutralização de certos radicais que induzem danos no DNA. Além disso, a melatonina estimula a glutationa peroxidase, tornando-se um complemento importante para as crianças que são deficientes em glutationa. Estudos demonstraram que geralmente 1mg é o bastante. Algumas crianças precisarão de 4 – 6mg, mas é raro!

TriEnza é uma combinação de enzimas digestivas capazes de digerir (quebrar) carboidratos, proteínas e gorduras. TriEnza também é rica em dipeptidil-peptidase IV (DPPIV); a única enzima que quebra casomorfina (a partir da caseína) e gluteomorfina (a partir de glúten). TriEnza é segura com nenhuma toxicidade demonstrada em qualquer nível de dosagem. Outras enzimas, suplementos e medicamentos podem ser administrados com TriEnza porque não contém a enzima celulase para interferir com medicamentos.




TRANSFER FACTOR é um suporte imunológico abrangente que promove células saudáveis – células NK, macrófagos, células T e divisão celular. É mais concentrado do que o Colostro! Aumenta o rendimento do sistema imunológico em 437%. Mistura de nutrientes essenciais: ácido fólico, vitamina B-12, zinco, selênio, que fortalece a função imunológica, promove o crescimento celular normal e aumenta os níveis de antioxidantes.





Pro-Bio Premium é um probiótico (bactérias benéficas) de alta potência que é recomendado para indivíduos com problemas gastrointestinais. Possui 450 BILHÕES de cepas e não precisa ser refrigerado para manter sua alta potência! Cada cepa deste probiótico foi especialmente selecionado para a sua atividade metabólica única e capacidade de suportar a ecologia intestinal normal, bem como a resistência para sobreviver ao ambiente gastrointestinal e suportar uma variedade de faixas de pH . É importante que indivíduos dentro do Espectro Autista utilizem probióticos de alta potência, assim como deve ser investigado o sistema gastrointestinal dessas crianças, pois estudos já demonstraram que a grande maioria apresenta Disbiose (desequilíbrio da flora intestinal), má absorção, inflamação, intestino permeável, baixa quantidade de bactérias benéficas e enzimas digestivas.

Home | Quem somos | Autismo & TDAH | Alimentos | Dietas | Tratamento Biomédico | Exames | Médicos DAN! | Contato
Liga de Intervenção Nutricional contra Autismo e Hiperatividade no Brasil
© 2012 LINCA BRASIL. Todos direitos reservados
Tels/Fax +55 (21) 0000-0000 - lincabrasil@lincabrasil.com.br
Design